Hospital de Grande porte Abre processo Seletivo para 708 candidatos

O Instituto Hospital de Base (IHBDF) lançou, nesta sexta-feira (19/1), o edital para a seleção de 708 profissionais. Serão 128 vagas para enfermeiros, 477 para técnicos de enfermagem e 103 para médicos – nas áreas de anestesia (27), cirurgia de trauma (20), clínica médica (8), emergência (40) e nefrologia (8).





As provas devem ser aplicadas em 25 de fevereiro pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). A expectativa é de que até 26 de março os aprovados assumam os postos de trabalho, como o Correio adiantou na quinta-feira (18/1).

Para médicos, os salários iniciais variam entre R$ 13 mil e R$ 16 mil, em regime de 40 horas. Enfermeiros que trabalham 20 horas semanais receberão R$ 2,2 mil. Os técnicos de enfermagem ganharão R$ 1,3 mil.

Será admitida a inscrição somente via internet, solicitada no período entre 10h de 23 de janeiro até as 18h de 5 de fevereiro de 2018 — pelo horário de Brasília. A taxa de inscrição varia entre R$ 65 e R$ 120.

A previsão é de que mais processos seletivos sejam lançados este ano para o instituto, com a possibilidade de contratar cerca de 300 profissionais. O diretor presidente do IHBDF, Ismael Alexandrino,  explica que os novos servidores serão distribuídos com o foco em quatro ações.







“A nossa intenção é a diminuição de horas extras, o fortalecimento do pronto-socorro, o aumento do número de cirurgias e a abertura de leitos”, detalha. Atualmente, 117 leitos, entre vagas de unidade de terapia intensiva (UTI) e enfermaria, estão bloqueados.

Após a reforma administrativa que ocorreu na semana passada, os funcionários passaram a ser admitidos com base no regime da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), ou seja, não serão concursados. A escolha será feita em duas etapas: prova geral e técnica. A lista dos aprovados será publicada em 22 de março.

Metas de atendimento

O volume de atendimentos que o Executivo local pretende realizar no IHBDF são expressivos. O governo calculou a média de serviços prestados entre 2015 e 2017 para atingir uma média anual. Com esse número, técnicos da Secretaria de Saúde traçaram as metas. O hospital terá que realizar mais 1,7 mil internações; 1,5 mil cirurgias eletivas; e aumentar em 1 milhão os atendimentos ambulatoriais. Em média, o hospital aumentará a produtividade em 20%.

A Secretaria de Saúde estima que por ano as cirurgias saltarão de 6,5 mil atuais, para  9,2 mil procedimentos — 41,5% a mais.  Além disso, serão 15,6 mil consultas e 9,5 mil internações anuais.

A reforma administrativa que criou o Instituto Hospital de Base não modifica as regras de atendimento dos pacientes. As políticas públicas continuam sendo definidas pela Secretaria de Saúde e pelo Sistema Único de Saúde (SUS).  O IHBDF contínua público e gratuito.

Os atendimentos serão organizados pela Secretaria de Saúde. Os pacientes que serão atendidos no IHBDF devem ser encaminhados por outras unidades ou serviços, como o programa Saúde da Família. Os atendimentos de urgência, como acidentes graves, continuarão da mesma forma.

Veja o edital simplificado 




Edital simplificado do Instituto Hospital de Base do DF

Da Redação com informações da SES/DF e Correio